Anais

Anais do II Seminário Internacional em Memória Social. Rio de Janeiro, PPGMS/Unirio, 16-18, março, 2016.

ISSN: 2448-1114

ACHILES SILVEIRA NETO – MEMÓRIAS HÍBRIDAS NA QUIXABEIRA: ENTRE A PROPRIEDADE INTELECTUAL E O PATRIMÔNIO IMATERIAL DOS ARTISTAS “FOLCLÓRICOS”

ADRIANA MARIA RIBEIRO – RESISTÊNCIA E REVOLUÇÃO NA MEMÓRIA DA ESQUERDA REVOLUCIONÁRIA

ADRIELLY VAZ DOS SANTOS – OS FOTÓGRAFOS DA PRAÇA DA MATRIZ EM MANAUS-AM

ALEX SANTANA FRANÇA – REPRESENTAÇÕES URBANAS DE MOÇAMBIQUE: IMAGINÁRIOS, HISTÓRIAS E MEMÓRIAS DAS CIDADES DE MAPUTO E BEIRA NOS FILMES O GRANDE BAZAR (2006) E HÓSPEDES DA NOITE (2007), DE LICÍNIO AZEVEDO

ALEXANDRE NUNES DE SOUSA – DA EPIDEMIA DISCURSIVA À ERA PÓS-COQUETEL: NOTAS SOBRE A MEMÓRIA DA AIDS NO CINEMA E NA LITERATURA.NOTAS SOBRE A MEMÓRIA DA AIDS NO CINEMA E NA LITERATURA.

ANA CLÁUDIA RIBEIRO – ESPAÇOS DE RESISTÊNCIA EM BELO HORIZONTE

ANA CLAUDIA VIEIRA VIDAL – A MEMÓRIA DA “DESORDEM” BRASILEIRA: A ELABORAÇÃO DE UM MICROTESAURO SOBRE A ORDEM E DESORDEM NAS COLÔNIAS

ANA MARÍA SOSA GONZÁLEZ – MUSEOS DE LA MEMORIA Y TESTIMONIOS: REFLEXIONES SOBRE EL USO DE TESTIMONIOS ORALES EN EL MUSEO DE LA MEMORIA DE URUGUAY

ANTONIO JOSÉ BARBOSA DE OLIVEIRA – MEMÓRIA E PRODUÇÕES DISCURSIVAS EM PÁGINAS INSTITUCIONAIS

ATHAYSI COLAÇO GOMES – MEMÓRIA SOCIAL E GÊNERO: A PARTICIPAÇÃO FEMININA NAS ORGANIZAÇÕES POLÍTICAS CLANDESTINAS DE ESQUERDA DURANTE A DITADURA CIVIL-MILITAR EM FORTALEZA (1968-1972).

BARBARA GOULART – O PASSADO EM DISPUTA: POLÍTICA, MEMÓRIA E DITADURA MILITAR NO BRASIL

BELISA ZOEHLER GIORGIS – MEMÓRIA SOCIAL E CIBERCULTURA – COBERTURA JORNALÍSTICA PARTICIPATIVA DE SHOW DA BANDA APANHADOR SÓ

CAMILA DO SOCORRO ARANHA DOS REIS – DISCURSOS E MEMÓRIA OFICIAL NA AMAZÔNIA DO SÉCULO XX

CATIA S. HERZOG O PICTORIALISMO E A FOTOGRAFIA BRASILEIRA

CLAUDIA SCHEMES – ANSEIOS E DESEJOS: MULHER MADURA, MEMÓRIA E MODA COMO CONSTRUÇÃO SOCIAL

CRISTIANO RODRIGUES RABELO – O CONJUNTO PALMEIRAS NA NARRATIVA INSTITUCIONAL DO BANCO PALMAS

CYNTHIA CAROLINE CAVALCANTE- ASPECTOS DA CULTURA CAIÇARA NA ILHA GRANDE

DANIELE ACHILLES – BIBLIOTECAS PÚBLICAS: ESPAÇOS DE EXPERIÊNCIA

DANIELE DE SÁ ALVES – DO PRIVADO AO PÚBLICO – UMA ANÁLISE DO PROCESSO DE SIGNIFICAÇÃO CULTURAL DA CHÁCARA DA HERA.

DEYSE CORTES PEREIRA – MEMÓRIA, CULTURA E O COTIDIANO DO SUBALTERNO: A DIMENSÃO DA VIDA PRÁTICA COMO ELEMENTO SUBVERSIVO

DIANA DE SOUZA PINTO – MEMÓRIAS E NARRATIVAS DAS BANDAS FILARMÔNICAS PORTUGUESAS NA CIDADE DO RIO DE JANEIRO – COMPREENDENDO A REALIDADE ATUAL

EDNA MARIA DA SILVA – A MEMÓRIA COMO PRÁTICA PEDAGÓGICA

ERICK CARVALHO DE MELLO – A ANTIGA CHAMA DO CELTISMO VOLTA A AQUECER O VELHO MUNDO?

FERNANDA SANTOS CURCIO – AS MULHERES TRAFICANTES: ENTRE AS MEMÓRIAS DE SUBMISSÃO E DE RESISTÊNCIA?

FRANCIS PAULA PAULA CORREA DUARTE – A MEMÓRIA NA SALA DE AULA: O GÊNERO DIÁRIO ÍNTIMO E A (RE)CONSTRUÇÃO DA IDENTIDADE

GLENDA FELIX OLIVEIRA – A INSTITUIÇÃO DE MEMÓRIAS QUE FOMENTARAM A PRÁTICA DO TRABALHO INFANTIL

GUSTAVO CABRAL MARINS – MEMÓRIAS DE UM MENINO DA CAPITAL NO INTERIOR: AS NARRATIVAS DO OUTRO COMO FUNDAMENTO PARA UMA ARQUEOLOGIA SENSORIAL E PÚBLICA

ISABELA MAGALHÃES BOSI – ENVIOS DE MEMÓRIA EM ELIDA TESSLER

JESSICA MARIA DE QUEIROZ COSTA – SEVERA ROMANA: HISTÓRIA E MEMÓRIA DA “HERÓINA DA HONRA”

JOÃO JOSÉ JAGELICIAVICIUS PRIVATTI – CONSPIRAÇÃO ININTERRUPTA: O DESCASO DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA EM FACE DA MEMÓRIA DA FORÇA EXPEDICIONÁRIA BRASILEIRA

JOSÉ ACLECIO DANTAS – AS REPRESENTAÇÕES SOCIAIS SOBRE CIGANOS NA INTERNET.

JOSENEIDA M. ELOI DE SOUZA – LITERATURA E MEMÓRIA SOCIAL EM MOÇAMBIQUE: A PERLABORAÇAO DO TRAUMA EM DUMBA NENGUE, DE LINA MAGAIA

JÚLIA ANDRESSA SCHÜTZ – MEMÓRIA, IMAGINÁRIO E HISTÓRIA DE VIDA: EXPERIÊNCIA FORMATIVA NO ESTÁGIO DE ARTES VISUAIS

JULIANA MEDEIROS – ENGENHOS E FAZENDAS: MEMÓRIA DA ESCRAVIDÃO NEGRA NA PROVÍNCIA DO GRÃO-PARÁ (1810-1850)

JULIANA PUGLIESE CHRISTMANN – A APLICAÇÃO DA METODOLOGIA DE HISTÓRIA ORAL – DANDO VOZ ÀS MEMÓRIAS DOS PESCADORES DA PRAIA DO PAQUETÁ – CANOAS/RS

KARLA NAZARETH-TISSOT – A CRIANÇA E A CIDADE

LARA COSTA BARRETO – A MEMÓRIA SOCIAL E PADRÃO HETERONORMATIVO: COMO A DIVERSIDADE DAS IDENTIDADES SEXUAIS SÃO SILENCIADAS NO AMBIENTE ESCOLAR?

LEILANE PATRICIA DE LIMA – OS RESTOS DE UM MUSEU QUE NÃO “MORREU”: O CASO DO MUSEU MUNICIPAL GECY FONSECA, BELA VISTA DO PARAÍSO-PR

LEOPOLDO GUILHERME PIO – O AMANHÃ É AGORA: PRESENTISMO NO MUSEU DO AMANHÃ

LIANE MARIA NAGEL – A CONSTRUÇÃO DE MEMÓRIAS HÍBRIDAS SOBRE AS MISSÕES GUARANÍ JESUÍTICAS.

LUCAS PEDRETTI LIMA – MEMÓRIAS MORRO ACIMA: A DITADURA NAS FAVELAS CARIOCAS E AS COMISSÕES DA VERDADE

LUCIANE RAUPP – MEMÓRIA, JUVENTUDE E IDENTIDADE: A FOTOGRAFIA COMO FORMA DE (RE) CONHECIMENTO COMUNITÁRIO

MARCELA WERNECK – O MOVIMENTO MÃES DE MAIO E A INSTAURAÇÃO DA COMISSÃO DA VERDADE DA DEMOCRACIA

MARCELO GONÇALVES RAMOS – VELHO COMO O JORNAL DE HOJE: A INTENTONA COMUNISTA NAS PÁGINAS D’O GLOBO

MARCIA T. CAVALCANTI – CENTROS DE DOCUMENTAÇÃO: NOVOS ESPAÇOS INFORMACIONAIS

MARIA CRISTINA MACHADO DE CARVALHO – MEMÓRIA HISTÓRICA: RECORDAÇOES DO COTIDIANO DA PRIMEIRA DÉCADA DO SÉCULO XX

MARIA LEANDRA BIZELLO – CINEMA E MEMÓRIA: LEMBRAR E ESQUECER EM HIROSHIMA MON AMOUR

MARIANA RODRIGUES FESTUCCI FERREIRA – UMA MEMÓRIA EM CONSTRUÇÃO: A ATUAÇÃO DE EUNICE PAIVA EM DEFESA DOS DIREITOS HUMANOS, DA DITADURA MILITAR BRASILEIRA À REDEMOCRATIZAÇÃO

MAURICIO ANTUNES TAVARES – MEMÓRIA, IDENTIDADE E COMUNIDADE:REFLEXÕES SOBRE UM PROJETO DE MEMÓRIA SOCIAL NA ESCOLA

MÔNICA MARTINS DA SILVA – MEMÓRIA SOCIAL E ENSINO DE HISTÓRIA: EXPERIÊNCIAS DE EDUCAÇÃO PATRIMONIAL COM OS MÓDULOS TEMÁTICOS DO PROGRAMA “SANTA AFRO CATARINA”

NAIR SUTIL – MUSEU AFETIVO E EDUCAÇÃO PATRIMONIAL: COMPREENDER PARA VALORIZAR

PRISCILA CHAGAS OLIVEIRA – MUSEUS VIRTUAIS E REDES SOCIAIS: NOVAS INTERFACES DA MEMÓRIA

RANDIZA SANTIS LOPES – MEMÓRIAS DE APRISIONAMENTO: DISCUTINDO O CONCEITO DE INSTITUIÇÃO À LUZ DE UMA INSTITUIÇÃO PSIQUIÁTRICO-PENAL

RANIERY SILVA GUEDES DE ARAUJO – MEMÓRIA, SILÊNCIO, ESQUECIMENTO E TURISMO

RAPHAEL GUILHERME DE CARVALHO – SOBRE A HISTÓRIA DA MEMÓRIA DE SÉRGIO BUARQUE DE HOLANDA: PASSAGENS (1979-1982)

RENATA DAFLON LEITE – PELAS TEXTURAS DA MEMÓRIA DE AVIGNON: ROTEIROS E AFETOS DE UMA CIDADE E SEU FESTIVAL

RENATA VALÉRIO POVOA CURADO – COMEMORAÇÕES: UM BRINDE AOS PATRIMÔNIOS CULTURAIS CELEBRATIONS: A TOAST TO CULTURAL HERITAGE

RENÉE LOUISE GISELE DA SILVA MAIA – TEMPO, COMPRESSÃO E CRIAÇÃO: REFLEXÕES SOBRE CONDIÇÕES DE EXPERIÊNCIA SUBJETIVO-TEMPORAL NA CONTEMPORANEIDADE

ROBSON SANTOS COSTA – OS SUPER-HERÓIS DAS HISTÓRIAS EM QUADRINHOS NA MEMÓRIA CULTURAL DO SÉCULO XXI PELA LINGUAGEM CINEMATOGRÁFICA

ROGERIO PIVA DA SILVA – O FIM DA MEMÓRIA? CRESCIMENTO ECONÔMICO E DESTRUIÇÃO DO PATRIMÔNIO CULTURAL NO MUNICÍPIO DO RIO GRANDE – RS: O CASO DA FÁBRICA RHEINGANTZ

SAMIRA DA SILVA DEODATO – PATRIMÔNIO CULTURAL IMATERIAL: IDENTIDADE, RECONHECIMENTO E MEMÓRIA NA FEIRA HIPPIE DE IPANEMA

SILVANA BAGNO – MEMÓRIA, IDENTIDADE E PERTENCIMENTO EM NARRATIVAS DE MORADORES DO FALLET, RIO DE JANEIRO

SIRLENE RIBEIRO ALVES – ESCOLA, CURRÍCULO E A FORMAÇÃO DA MEMÓRIA SOCIAL

SOFIA DEBORA LEVY – O MAL, A INCREDULIDADE, AS REAÇÕES

SORMANI DA SILVA NEAB – OS PROCESSOS DE RUPTURA E CONTINUIDADE EM RELAÇÃO ÀS FORMAS DE LEMBRAR E ESQUECER SOBRE A TRAJETÓRIA DA ESCOLA DE SAMBA DEIXA MALHAR

SUELY MORAES CERAVOLO – “A CIDADE DO SALVADOR: “MEMÓRIA A CÉU ABERTO” E A DISPUTA DE SENTIDOS NA PRESERVAÇÃO DO PATRIMÔNIO ARQUITETÔNICO CIVIL (1959)”

TALITA DOS SANTOS MILINA – “O PROGRAMA NACIONAL DE PRESERVAÇÃO DA DOCUMENTAÇÃO HISTÓRICA – PRÓ-DOCUMENTO: ARQUIVOS PRIVADOS E O DIREITO À MEMÓRIA (1984-1988)”

TÂNIA DE SOUZA FERNANDES – A MEDIAÇÃO DOS TEXTOS ACADÊMICOS NO PROCESSO DE “REAFRICANIZAÇÃO” DAS RELIGIÕES AFRO-BRASILEIRAS: ETNOGRAFIAS COMO ESPAÇOS DE MEMÓRIA

TANIRA RODRIGUES SOARES – A NOIVA ROUBADA, DE JUAN CARLOS ONETTI: ENTRELAÇAMENTO DA MEMÓRIA INDIVIDUAL E COLETIVA

TATIANA DE SANTANA VIEIRA – MEMÓRIAS DE PRÁTICAS DE ALFABETIZAÇÃO DE ADULTOS NO FINAL DO SÉCULO XX

VALDIR JOSE MORIGI – AS MEMÓRIAS DA CIDADE NAS REDES SOCIAIS

VINICIUS CARVALHO PEREIRA – A CAIXA D’ÁGUA DA CEILÂNDIA E O RECONHECIMENTO DA MEMÓRIA DOS CONSTRUTORES DE BRASÍLIA

VIVIAN FREITAS DE MELO – MEMÓRIA, INSTITUIÇÃO TOTAL E CÁRCERE: UM OLHAR SOBRE O SISTEMA PRISIONAL

YAZID JORGE GUIMARÃES COSTA – O PROGRAMA NACIONAL DE MUSEUS: ENTRELAÇAMENTOS DE IDEIAS

YUSSEF DAIBERT SALOMÃO DE CAMPOS – O PATRIMÔNIO CULTURAL EM DEBATE NA ASSEMBLEIA NACIONAL CONSTITUINTE BRASILEIRA (1987-1988)